Como evitar a perda de água da piscina

A correta manutenção de uma piscina contribui em larga escala para salvar o planeta, uma vez que permite poupar um dos bens mais essenciais para a vida do homem – a água. Nesse sentido, saiba como evitar a perda de água da piscina e desenvolva uma consciência ambiental para o bem-estar e conforto de todos.

Muitos locais da terra estão a ficar rapidamente sem água fresca ou têm as suas reservas impuras ou poluídas com químicos e pesticidas, fazendo com que a água seja imprópria para consumo. Dessa forma, e para evitar o problema da escassez de água, deve evitar a perda de água da sua piscina. Para o fazer corretamente, deve seguir as recomendações seguintes:

Cobrir a piscina

Pode perder cerca de 189 litros de água por dia numa piscina descoberta com cerca de 46 m2 – são mais de 68.000 litros por ano. Para que isso não aconteça, deve adquirir uma cobertura específica, de modo a retirar todos os benefícios da sua piscina. Ao reduzir a evaporação de água de uma piscina, não precisa de a tornar a encher e, dessa maneira, conseguirá poupar mais água e reduzir os custos no total da sua fatura no final do mês.

Não realizar “bombas de água”

Apesar de ser muito divertido, principalmente para os mais novos, deve evitar a realização das denominadas “bombas de água”, que é quando alguém se atira para uma piscina, geralmente de uma forma espalhafatosa, e faz com que a água saia da mesma. Este tipo de mergulhos contribui bastante para o desperdício de água e faz com que esta fique ondulada, o que por si só aumenta a sua percentagem de evaporação.

Instalar um tanque de separação de águas

Ao instalar um tanque de separação de águas estará a filtrar a água da piscina, isto é, a retirar todas as suas partículas e sujidades. Ao fazê-lo conseguirá purificar a água e esta poderá ser reutilizada na piscina. A aplicação prática deste método, também conhecido como retro lavagem, permite que a água fique mais limpa e cristalina e isso possibilita que a drenagem de uma piscina seja realizada num período de tempo mais espaçado.

Purificar a água

A purificação da água é feita através do método de retro lavagem e este deve ser feito sempre que considerar necessário, até que a água tenha um aspeto claro e cristalino. Deve ter em atenção que deve limpar regularmente o filtro que é utilizado no tanque de separação de águas, para que a sua ação seja o mais eficaz possível.

Utilizar a água que é drenada da piscina

Ao retirar a água da piscina, deve utilizá-la como forma de rega de plantações e jardins. Certifique-se que os resíduos de cloro não são muito elevados para as plantas, caso contrário poderá estar a sufocá-las. É de destacar que uma piscina com a capacidade de 113.550 litros inunda o típico jardim se a drenagem for bombeada de uma vez só. Dessa forma, pergunte aos seus vizinhos se estes querem regar as suas plantações com a água da sua piscina, uma vez que essa é uma boa maneira de não desperdiçar água.

Procurar fugas

Verifique se na sua piscina existe qualquer tipo de fuga que possa estar a conduzir a um desperdício de água. Pode perder muita água antes de se aperceber que existe um problema e, como tal, deve manter uma vigilância constante sobre o equipamento e nível de água da sua piscina.

Desimpedir os bueiros e os rodapés

Os bueiros e os rodapés de uma piscina devem estar sempre desimpedidos, pois eles permitem minimizar ao máximo o desperdício de água. Os mergulhos e a presença de banhistas na água fazem com que esta transborde a piscina. Dessa forma, para reaproveitar e reutilizar toda a água que sai da piscina é fundamental que os bueiros e os rodapés estejam desimpedidos e sem qualquer tipo de obstáculo a obstruir o fluxo de água.

Desligar fontes e quedas de água

Opte por desligar fontes e quedas de água da sua piscina quando esta não está em utilização. Quando a água se encontra em movimento, o seu desperdício é maior, uma vez que a evaporação ocorre de uma forma muito mais rápida.

Não utilizar a mangueira na manutenção e limpeza da piscina

Na manutenção da sua piscina, deve ter em consideração que não deve utilizar a mangueira para a limpar, pois assim estará a desperdiçar e a perder mais água. Em vez disso, opte por utilizar uma vassoura, pois os resultados serão exatamente iguais.

Direcionar a água das chuvas

Ao direcionar a água das chuvas para a sua piscina, estará a reabastecê-la e, à conta disso, não necessita de a encher de novo.

Desativar o spray de limpeza de azulejos do limpador

Alguns limpadores automáticos de piscinas têm um spray de esguicho que tem a missão de limpar a piscina e os seus azulejos. No entanto, nem sempre funcionam assim tão bem e, na maioria das vezes, ao acionar esse spray a água sai da piscina. Nesse sentido, e para que isso não aconteça, deve desativar essa funcionalidade do seu limpador.

Adicionar sombra à piscina exterior

No tempo mais quente, deve adicionar sombras à sua piscina exterior. Ao fazê-lo estará a rentabilizar o seu espaço e a impedir que a água se evapore devido à ação dos raios solares. Procure instalar coberturas ou chapéus de piscina e descanse com mais tranquilidade junto à água.

A sua votação: 
Average: 3.8 (13 votos)
Fervens was created by Design Disease for WordPress, brought to you by Smashing Magazine.
Ported to Drupal by Leow Kah Thong - Freelance Drupal Developer.